09 junho 2020

Jogos de tabuleiro: Vamos Brincar

Olá galera, tudo bem! Vamos jogar? E que tal se, antes de começar a brincadeira, construíssemos nosso próprio tabuleiro e todas as peças necessárias para a diversão começar? Na proposta de hoje vamos, juntos, conhecer alguns jogos, relembrar outros, confeccionar tabuleiros, dados e aprender as regras de cada jogo para a brincadeira começar. Vai ter jogo da memória (com um desafio diferente), jogo da velha, jogo dos pontinhos. Preparado para a diversão? Convide as pessoas aí na sua casa e mãos a obra! Para começar a conversa...jogo da velha e jogos dos pontinhos




O jogo tem papel fundamental para o desenvolvimento das crianças e o mais importante: elas estão aprendendo enquanto brincam, aprendem enquanto jogam...e isso é incrível! Nesse sentido, jogos na infância são potentes porque:    

1. São lúdicos, divertidos e envolventes. Toda brincadeira deve encantar!
2. Ensinam sobre regras e limites. Todo jogo tem suas regras, estratégias e possibilidades que precisam ser respeitadas. Tais aprendizagens podem ser "levadas" para a vida, na interação com o mundo, para além do jogo.
3. Estimulam a concentração, a atenção e o foco. Conceitos importantes que, por meio dos jogos, podem ser vivenciados pelas crianças desde muito cedo
4. Favorecem o contato significativo e contextualizado com o mundo letrado, haja vista que as regras do jogo podem ser levantadas pelos jogadores e escritas com ajuda de adulto.
5. Colaboram na construção do controle emocional. Afinal como na vida, há vezes em ganhamos outras em que não saímos vencedores. Entender que tudo faz parte de um processo e que aprendemos no percurso, pode ser uma das principais aprendizagens da proposta com jogos para as crianças. Assim, aprenderemos a  lidar com sentimentos como a frustração, o medo, a alegria, a empolgação, a persistência, a raiva  entre outros.
6. Desenvolvem a criatividade, pois muitas vezes, os jogos podem ser confeccionados pela própria criança com materiais diversos.
7. Fortalecem o vínculo familiar e o convívio entre as pessoas de diferentes idades. O que pode ser um grande encontro de gerações!

Para continuar a conversa... jogo da memória sensorial e jogo com dado




Ao jogar com as crianças, uma coisa é muito importante: saber perder! As crianças, por vezes, mostram-se tristes ou desanimadas quando não conseguem vencer o jogo ou uma partida. E esse pode ser momento para uma boa conversa, para retomar com a criança o entendimento das regras e possíveis estratégias do jogo e a importância da brincadeira e do processo vivenciado por todos(as) durante o jogo. Lembrá-la que é possível recomeçar, jogar mais vezes para que possa adquirir experiência e talvez o mais importante, concentrar-se e observar como jogam os demais participantes. No episódio do Quintal da Cultura, Dorotéia aprende uma lição, vamos assistir!



Desafio #1: Vamos continuar a jogar

Muitas e muitas possibilidades de jogos e desafios para crianças, a partir de materiais que temos em casa, são enormes. O site TempoJunto traz mais algumas ideias, com propostas que vão envolver as crianças e toda a família. Não deixe de conferir!


“o uso do brinquedo/jogo educativo... remete-nos para a relevância desse instrumento para situações de ensino-aprendizagem e de desenvolvimento infantil. Se considerarmos que a criança... aprende de modo intuitivo, adquire noções espontâneas, em processos interativos, envolvendo o ser humano inteiro, com cognições, afetos, corpo e interações sociais, o brinquedo desempenha um papel de grande relevância para desenvolvê-la” (1997. p.36). (Kishimoto Tizuko Morchida)


Desafio #2: Jogo da Memória

Jogo da Memória para além de divertir é muito importante para o desenvolvimento das crianças. Sabia que você pode construir seu próprio Jogo da Memória? Separe alguns papéis ( sulfite ou papelão), corte em tamanhos iguais. E agora é só começar a desenhar! Você pode fazer desenhos livres ou escolher um temática para o seu jogo: frutas, brinquedos, comida favorita, família entre outros. O importante é que você faça duas vezes o mesmo desenho, repetindo esse processo até compor todas as peças do seu jogo. E agora é só convidar alguém para brincar com você. Ah! Você também pode jogar on line.

A partir da página 33 do documento Trilhas de Aprendizagem (que vai chegar nas casas de vocês), vocês podem conferir a temática do brincar, sua importância e suas muitas possibilidades. 


Desafio #3: Jogando e cantando

Nesse desafio você vai jogar o Jogo da Velha enquanto brinca com a música Ua Tá Tá (segue abaixo em nossa playlist). Se prepare porque o desafio aumentou. Assista o vídeo e convide alguém para brincar com você.

As claves podem ser substituídas por palmas. Você pode usar tabuleiro que aprendemos juntos.

A música Ua Tá Tá está em nossa playlist, clique e ouça!


É importante lembrar que, de acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), o tempo de tela para crianças de 4 a 5 anos (seja de celulares, computadores ou televisores) deve ser de, aproximadamente, 60 minutos ao dia!

Não se esqueça de fazer filmagens, tirar fotografias e enviar via WhatsApp! Vocês também podem nos encontrar no Google Classroom (para aprender a acessar, clique aqui)! Todas essas ações irão reforçar o que foi aprendido e desfrutado, além de servirem como recordação para toda a vida! Convidamos a todas e todos também a preencher o nosso questionário: ele nos dará pistas para descobrir como poderemos auxiliá-los neste momento tão complicado!

Roteiro, texto, seleção dos materiais, publicação, edição do vídeo e participação: Daniela Maia
Vinheta: Fernanda Fusco
Efeitos sonoros: FreeSound.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário

https://1.bp.blogspot.com/-6XvqrgRUtmE/XpAnsq0hy8I/AAAAAAAAOMM/XQaf2shwZRQ_UjLVPe3AFHYV0yisWRzRACLcBGAsYHQ/s1600/footer2.png