04 junho 2020

Piquenique no quintal

Olá pessoal! Estou mais uma vez aqui para compartilhar com vocês um momento bem divertido que tive com meus filhos em casa, durante o isolamento social. Apesar de todas as tarefas diárias a cumprir em casa, sempre busco separar um tempo só para eles. Em nossa rotina “normal”, quando estou trabalhando e eles na escola, só nos resta o final de semana para ficarmos bem juntinhos. E mesmo assim, é um tempo que compete com tantos outros compromissos dentro de apenas 2 dias. Por isso, não podemos perder essa chance de dar sentido real à palavra conviver, principalmente com quem temos de mais precioso em nossas vidas, que são nossos filhos. 


Não é todo dia que consigo planejar algo especial, diferenciado. Muitas vezes é só um esconde-esconde, ou desenhos que fazemos juntos, ou um filme que assistimos, um jogo da memória, etc. Porém, este momento que trago aqui pra vocês foi um desses especiais. Queríamos aproveitar esses dias lindos e ensolarados, quando dá uma vontade enorme de correr para algum parque, mas sabemos que ainda não é hora de matar essa vontade. Então, adaptamos uma ideia pra que acontecesse dentro de casa mesmo, e foi super legal! Venha conferir como foi nosso Piquenique no Quintal!

E então? Que tal um piquenique aí na sua casa também? Nós, aqui em casa, pensamos em várias opções. Piquenique em dias de chuva, piquenique a noite, piquenique em uma cabana (a professora Laís já nos ensinou a fazer uma aqui no Blog). Minha filha teve uma grande ideia. Caso estivesse chovendo no dia combinado, poderíamos fazer o piquenique na sala e ela iria desenhar um sol bem grande para colar na parede. Eu adorei a ideia. As crianças sempre têm ideias incríveis. E por isso mesmo que ela me ajudou em todo o planejamento para o nosso piquenique acontecer. Quer saber como foi esse percurso?

Depois que a ideia surgiu, conversamos sobre como seria o piquenique, onde faríamos, os problemas que poderiam surgir como chuva, por exemplo. Fizemos uma lista do que precisaríamos levar. Ela perguntou à vovó e à titia se elas sabiam fazer piquenique e o que poderiam sugerir. E para enriquecer nossa lista, pesquisamos na internet outros exemplos de piqueniques no quintal. Foi aí, por exemplo, que ela percebeu que poderíamos usar os vasos de flores que já tínhamos aqui, para decorar nosso piquenique, deixá-lo mais bonito. Em nenhum momento eu decidi qualquer coisa sozinha. Fui provocando suas ideias, sugestões, soluções. E mediando com meus ajustes sempre que necessário.


Heloisa pesquisando ideias para o piquenique

Fizemos um convite para os titios participarem. Ela quis convidar muitas pessoas. Mas relembrei nossa situação de isolamento. Então, reduzimos o convite aos titios que moram na casa aqui no mesmo terreno e já passam muito tempo com a gente.

Quando pensamos no que levar para comer, Heloisa sugeriu água, suco, frutas, gelatina, algumas guloseimas que, coincidentemente, vovó havia feito para o final de semana, lanchinhos no pão com requeijão ou manteiga, que eles gostam. E titia nos presenteou com um delicioso bolo de chocolate. Mas o cardápio para um piquenique fica a critério das preferências e objetivo de cada família. Porém, é importante lembrar do que é perecível, o que necessita de ambiente térmico, se é algo fácil de embalar e comer. Quanto mais prático e seguro melhor. Clique aqui para encontrar ótimas dicas para garantir um piquenique tranquilo e divertido. Nós consultamos essa lista também.  E ontem, na publicação da professora Daniela, nós aprendemos a fazer uma pizza deliciosa e fácil de preparar, que é uma boa opção também para um piquenique.

No caderno Trilhas de Aprendizagem, você também encontra orientações para promover esses momentos de alimentação juntos, como a criança pode participar de forma construtiva e prazerosa. E sugestões de brincadeiras, músicas e leituras, tanta coisa que podemos aproveitar em um piquenique. Seja ele no quintal, na varanda, na sala, na sacada, onde vocês escolherem.

Heloisa me ajudou a verificar o que tínhamos em casa e o que precisaríamos providenciar. No grande dia, me ajudou a preparar lanches, suco, a nossa cesta (improvisada) de piquenique, fazer um checklist verificando se não esqueceríamos de nada. Mesmo sabendo que o bom do piquenique em casa é que caso se esqueça de alguma coisa, fica fácil ir buscar. Então, partimos para o nosso querido quintal.

Lá, ela e o irmão organizaram todos os itens na toalha. E daí foi só sentar e aproveitar esse dia diferente e muito gostoso. Deixamos a televisão na sala tocando música, comemos, conversamos, cantamos, lemos livros que eles escolheram para levar. Por fim, fizemos algumas brincadeiras e tiramos um tempo de descanso. Uma delícia! Helô já está programando os próximos. Quer muito fazer um a noite, na sala, como um acampamento para dormirmos todos juntos ali mesmo após comermos as delícias de um lanchinho a noite. Não é mais uma grande ideia?

Dica #1: Pesquisa na internet por parques

Aproveitamos a internet também para fazer uma lista de lugares que existem em nossa cidade e que são perfeitos para curtirmos um piquenique. São Paulo tem diversos parques incríveis para isso.

Heloisa pesquisando parques de São Paulo
Heloisa adorou identificar ali, na tela do computador, alguns lugares que já frequentamos e gostamos muito, como o Parque da Independência, Parque do Ibirapuera, Parque Lina e Paulo Raia (Jabaquara), entre outros. Então, segue uma lista de somente 10 dos lugares que listamos e que iremos conhecer ou voltar, quando tudo isso passar. Anote aí na sua agenda de passeios “pós quarentenas”, quando for seguro passearmos e estarmos juntos.

• Parque da Independência (Museu do Ipiranga)
• Parque da Aclimação (Aclimação)
• Parque do Ibirapuera (Moema)
• Parque da bicicletas (Moema)
• Parque Lina e Paulo Raia (metrô Conceição)
• Parque Chuvisco (Jd. Aeroporto - Av. Roberto Marinho)
• Parque do Cordeiro (Brooklin)
• Parque Villa Lobos (Alto de Pinheiros)
• Parque da Água Branca (Próx. Barra Funda e Perdizes)
• Parque do Carmo (Itaquera)

Clicando neste link você visita um site com indicações e muitas informações dos diversos parques que encontramos em São Paulo. Vale a pena conferir. 

Dica #2: Animações sobre piqueniques


Este é um desenho que meus filhos adoram e que é muito conhecido. E aqui temos uma compilação de vários piqueniques, diversificados, que Daniel Tigre e sua turma já fizeram. E para terminar, no episódio abaixo de Sid, o cientista, ele e sua turma mostram a todos nós como é maravilhoso pesquisar, descobrir, construir um novo conhecimento. E nada melhor que um dia de piquenique ao ar livre para fazer descobertas e começar uma pesquisa.


Não tenham dúvidas de que quando voltarmos para nossa escola, com certeza um grande piquenique faremos também. Será uma das formas de comemorarmos a felicidade de podermos estar juntos novamente. Quem topa preparar um piquenique em casa e depois compartilhar conosco como foi essa experiência? Um grande beijo a todos e obrigada por virem nos visitar aqui no Blog. Até breve!

Roteiro, texto, participação, fotos e seleção dos materiais: Daniely Nobre
Edição do vídeo, vinheta e publicação: Fernanda Fusco
Efeitos sonoros: FreeSound.org
Trilha sonora: Daily Beetle (Kevin MacLeod - Incompetech)

2 comentários:

  1. O André adorou a ideia e a primeira coisa que pensou foi a toalha rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Soraia! Mesmo atrasadíssima rs, quero agradecer pelo recadinho e dizer que ficamos super felizes em te ver por aqui e principalmente saber que o André curtiu. Façam mesmo o piquenique de vocês, com uma bela toalha, claro rsrs. E não deixe de mandar uma foto pra nós desse momento delicioso! Beijão!

      Excluir

https://1.bp.blogspot.com/-6XvqrgRUtmE/XpAnsq0hy8I/AAAAAAAAOMM/XQaf2shwZRQ_UjLVPe3AFHYV0yisWRzRACLcBGAsYHQ/s1600/footer2.png