01 outubro 2020

Viajando para o Egito antigo

Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Ao longo desta semana, conhecemos um pouquinho sobre a fauna e a flora de algumas paisagens da África. Através dos vídeos que nos enviaram via whatsapp, percebemos que algumas das crianças se interessaram em realizar pesquisas sobre um país especificamente: o Egito! Que tal viajarmos para lá hoje?

No vídeo de hoje, produzido pela professora Fernanda Fusco, contaremos com as participações mais que especiais de Helena, Ícaro, Lara, Nicollas e Nicolle. Vem com a gente tentar diferenciar os camelos dos dromedários, saber quem eram os faraós e conhecer a história da rainha Hatshepsut, fingir que somos arqueólogos e brincar com areia, construir nossas próprias pirâmides utilizando palitos e massinha, entender como os egípcios escreviam, fazer nosso próprio papel, confeccionar uma múmia e até brincar de corrida!

Assim como todas as nossas propostas aqui no blog, os desafios não são de caráter obrigatório e nem precisam ser realizados em um mesmo dia; são sugestões para dar continuidade a temática abordada, para diversificar a rotina, mantermos a nossa conexão com a escola e que podem ser complementadas de acordo com suas necessidades!


Desafio #1: Qual a diferença entre um camelo e um dromedário?

Logo no início do vídeo, com base nos desenhos da Lara e da Nicolle, contamos algumas curiosidades a respeito de um animal utilizado como meio de transporte há milhares de anos no norte da África: o camelo! Outro animal que destacamos é o dromedário, mas que vive apenas na Ásia Central: você consegue descobrir a diferença entre os dois? A princípio, deixe que a criança tente descobrir sozinha, apenas comparando as imagens trazidas no vídeo! Se notar que surgiu algum interesse, realizem algumas pesquisas por textos e vídeos na internet! Antes de pesquisarem, vocês podem escrever uma lista de perguntas para posteriormente encontrar algumas respostas. Seguem alguns exemplos:

  • Qual o habitat desses dois animais?
  • Por que eles são tão parecidos?
  • Quais são seus alimentos?
  • Para que servem as corcovas?


Desafio #2: 5 coisas que você deveria saber sobre o antigo Egito

O vídeo a seguir, produzido pelo canal Smile and Learn, traz algumas curiosidades a respeito das pessoas que viviam no Egito antigo, incluindo a famosa faraó Cleópatra. No entanto, assim como em outras produções audiovisuais e obras de arte, neste vídeo ela foi representada como uma mulher branca. Vocês podem utilizar essa problematização como ponto de partida para pesquisar mais sobre isso! No Google Imagens, podem procurar por artes egípcias ou mesmo a reconstituição facial da Cleópatra e estabelecer comparações (com a cor, traços, cabelos, etc.).

É importante lembrar que, de acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), o tempo de tela para crianças de 4 a 5 anos (seja de celulares, computadores ou televisores) deve ser de, aproximadamente, 60 minutos ao dia!

Desafio #3: Pequenos arqueólogos

Crianças brincando em um de nossos cantinhos de 2019

Que tal construir um sítio arqueológico sem sair de casa? O blog Tempo Junto, em uma de suas publicações, explica como os adultos podem organizar esse espaço! Clique aqui para saber mais!

Em outra publicação, a professora Carla Bregola também ensinou a fazer uma mesa sensorial com o objetivo de estimular os sentidos. Vocês podem utilizar areia, terra, açúcar, farinha, fubá ou o que mais tiverem disponível em casa!


Desafio #4: As formas geométricas

Aproveite a temática e, inspirados nas pirâmides de Gizé, proponha que os pequenos reproduzam as diferentes formas geométricas utilizando areia, massinha, palitos ou qualquer outro material, assim como sugerimos no vídeo! Com o passar do tempo, você pode até sugerir que montem formas tridimencionais, como cubos e pirâmides: neste momento, deixe que que as crianças explorem os materiais e quebrem a cabeça sozinhas, buscando uma solução para o problema! Trazemos também como sugestão a música Cada coisa tem seu formato, do Mundo Bita. Confira!

Desafio #5: A arte egípcia e os hieróglifos

Após confeccionar as folhas de papel reciclado, busquem inspirações nas imagens de artes e hieróglifos egípcios. Uma sugestão é fazer uma visita online por templos e tumbas através do Centro Americano de Pesquisa sobre o Egito ARCE e observar as pinturas nas paredes! No site, há uma lista de tumbas e templos para explorar e "caminhar" por elas utilizando o mouse! Vale a pena conferir clicando aqui!

Para fazer um tour virtual, clique aqui!



Existem também tabelas de correspondência entre as letras do alfabeto e os hieróglifos egípcios. Vocês podem tentar reproduzir seus próprios nomes e outras palavras. E que tal criarem seus próprios signos e atribuir seus próprios significados? Podem até fingir que é um código secreto!

Amanhã, relembraremos como foi a nossa Festa Africana realizada no ano de 2019 em mais um capítulo do nosso Baú de Memórias. Não percam!



Roteiro, texto, seleção de materiais, vinheta e edição do vídeo: Fernanda Fusco
Participação: Helena, Ícaro, Lara, Nicollas e Nicolle
Efeitos sonoros: FreeSound.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário

https://1.bp.blogspot.com/-6XvqrgRUtmE/XpAnsq0hy8I/AAAAAAAAOMM/XQaf2shwZRQ_UjLVPe3AFHYV0yisWRzRACLcBGAsYHQ/s1600/footer2.png